Softwise Consultoria e Informática Ltda.
 
 Mensagem
    Responder essa Mensagem

Assunto: : Podar
Enviado por: jamfzeus@ig.com.br
3/19/2005

Era uma vez, um menino que ficou muito bravo quando viu um jardineiro com uma tesoura enorme para cortar os galhos mais tenros de todas as plantas. O menino reclamou, agarrou o jardineiro pelo braço... fez um escândalo. Ele sorriu e pediu que tivesse paciência e voltasse em 30 dias para ver o resultado... Um mês depois todas as plantas estavam ainda mais belas e cheias de vida... Foi assim que ele aprendeu o segredo das podas... Elas devem ser feitas nos galhos que dão frutos... parece um sofrimento cortar justamente esses galhos... E isso faz pensar na maneira como reagimos aos sofrimentos que nos chegam... Em vez de achar que são "castigos" por que não pensar que deus permite sofrimentos físicos e morais, como o agricultor que poda suas árvores, para que dêem mais fruto ainda?! De vez em quando, não vemos nada, não entendemos nada. Ficamos como árvores, carregadas de folhagem e que, depois da poda, se reduzem a galhos secos, que lembram braços esqueléticos. Pois hoje, quem estiver se sentindo assim por causa de uma perda, um abandono, doença, cansaço, desânimo, ingratidão, injustiça! O melhor, muitas vezes, é nem se meter em dar explicações que não explicam, não convencem e deixam a criatura que está sofrendo mais esmagada ainda... Em horas assim, nada como o exemplo da natureza, que é sábia! Tudo sempre volta a florir e frutificar. É preciso somente um pouco de paciência e uma difícil atitude... Dar tempo ao tempo ... Ele cura "absolutamente" tudo!